FECHAR

Imprimir
Publicado em 17/03/2020

NORMAS CONTÁBEIS PRECISAM SER MAIS BEM DIVULGADAS ENTRE EMPRESÁRIOS

Em que pese à importância das Normas Brasileiras de Contabilidade para a saúde contábil e financeira das companhias, essas regras não estão sendo divulgadas de maneira apropriada, nem ao menos utilizadas plenamente pelas empresas.

Esta é a opinião do contador Marco Antonio Granado, consultor contábil, tributário, trabalhista e previdenciário do SINFAC-SP, que no último dia 10 de março ministrou, na sede da entidade, o “Curso Intermediário de Contabilidade para Empresas de Factoring – Ênfase na NBC TG 1000 (R1)”.

Segundo ele, esta visão ficou ainda mais evidente durante o treinamento, no qual tentou, por exemplo, auferir com a plateia se as normas contábeis realmente estariam sendo utilizadas pelo mercado nacional, mas ninguém levantou a mão. Perguntados sobre o conhecimento dessas regras, só uma pessoa se manifestou assertivamente.

“Portanto, este evento deve ser disseminado e propiciado cada vez mais aos empresários do setor, que necessitam dessas informações. Neste curso explico o que é contabilidade, posiciono conceitos e as obrigatoriedades, afinal os registros contábeis realizados de maneira errônea, fraudulenta ou dissimulada geram punições criminais, tributárias e cíveis”, explicou Granado.

O especialista reiterou que o evento promovido pelo Sindicato conseguiu dar clareza, transparência e uma visão mais abrangente sobre o tema, para que os empresários e colaboradores das áreas financeiras e contábeis possam melhor entender o procedimento contábil voltado ao fomento mercantil.

“Quando se cria a condição da existência da essência sobre a forma, conceito trazido pelas Normas Internacionais de Contabilidade, faculta-se ao contador e ao empresário a condição de criar intangíveis reais, confrontando essa percepção com um tipo de contabilidade utilizada anteriormente à obrigatoriedade da norma, que até então só registrava atos, fatos e valores nominais”, explicou o contador.

Mudança de visão

Oriundo do segmento de fabricação de software, o diretor de tecnologia da Size, João Brambilla saiu do treinamento consciente de que as matérias tratadas nas oito horas de duração do curso mudaram sua visão sobre a área tributária da empresa.

“O docente conseguiu transmitir o conteúdo de maneira bem didática, muito útil em relação à parte tributária das empresas. Mesmo eu não sendo da área, pude entender a questão das Normas Internacionais de Contabilidade”, ressaltou o executivo, reforçando que conseguiu sanar diversas dúvidas relacionadas às particularidades da factoring e da securitizadora.

De acordo com o Brambilla, o fato de se saber mais sobre a área contábil vai ajudar a manter mais organizados os processos da empresa, melhorando a comunicação entre os departamentos financeiro e contábil e ganhando agilidade para os agentes internos. “Logo, conseguiremos atender, na ponta, os tomadores de crédito com mais destreza e agilidade”, complementou.

A Size atua como securitizadora e FIDC por meio de uma plataforma digital oferecendo crédito por meio de antecipação de recebíveis, operando principalmente com clientes da indústria, do comércio e de serviços.

Completa abordagem

Diretora e controller da empresa de contabilidade que leva o seu sobrenome, a contadora Raquel Catana também finalizou o curso com a certeza de que o professor proporcionou uma completa abordagem da parte contábil, sem desviar o foco para outras questões tributárias.

Responsável por atender varejistas, importadoras e exportadoras, além de uma factoring – a Iala Fomento, desde a sua abertura, em 2010 –, a Catana Contabilidade, sediada no tradicional bairro paulistano do Bom Retiro, buscou informações neste treinamento justamente para tornar ainda mais sinérgica essa comunicação com este e outros clientes do fomento comercial que futuramente possa conquistar.

“Além disso, queríamos entender o posicionamento do Sindicato em relação às normas contábeis para as factoring e quais orientações seriam passadas, visto que os temas abordados não são divergentes do que aplicamos no nosso dia a dia”, comentou a empresária, que tem especialização em economia e gestão de empresas familiares pela Universitá Cattolica del Sacro Cuore, de Milão (Itália).

Video institucional

Cursos EAD

Cursos e Eventos

Nenhum evento disponível.

Fotos dos Eventos

Sobre o Sinfac-SP

O SINFAC-SP está localizado na
Rua Libero Badaró, 425 conj. 183, Centro, São Paulo, SP.
Atendemos de segunda a sexta-feira, das 9 às 18 horas.