PRINCÍPIOS DE VALORES, A ESSÊNCIA DO PLANO ESTRATÉGICO DO SINFAC-SP

http://www.sinfac-sp.com.br/v2/userfiles/_642fad5bba5fd8752c70982495bc12d61348772280.jpg

Ter princípios é o começo de tudo, pois deles emanam os fundamentos das coisas que os procedem. Os princípios são a base do direito, da filosofia, ciência, religião, moral, enfim, os alicerces da sociedade civilizada, constituindo-se nos elementos essenciais na formação do caráter e personalidade de qualquer pessoa física ou jurídica.

 

Não é possível estabelecer ou praticar um plano estratégico se não forem previamente definidas a Missão, a Visão e as Bandeiras do Sindicato, baseadas no principal sustentáculo: os nossos Princípios de Valores.

 

Na Palavra de hoje, gostaríamos de levar ao conhecimento de nossa base os Princípios de Valores do SINFAC-SP, que nortearam a elaboração do nosso Plano Estratégico, já aprovado pela FECOMERCIO-SP,com utilização da metodologia do SEGS (Sistema de Excelência em Gestão Sindical), a qual já foi inclusive, objeto de avaliação de consenso por outro sindicato daquela  Federação, o SINCOMAVI.

 

Na auditoria, é necessário mostrar evidências e, portanto, para cada princípio faremos um comentário dessas evidências.

 

Princípio 1 – ATUAÇÃO ÉTICA E SOCIALMENTE RESPONSÁVEL E TRANSPARENTE

 

Tenho usado este veículo de comunicação para dar transparência aos principais temas da classe e do Sindicato. Nele, não falo de economia ou assuntos alheios ao nosso segmento, não faço circulares, não crio factoides, mas simplesmente presto contas das principais ações desenvolvidas e coloco em discussão as ideias importantes.

 

Princípio 2 – ATITUDES HONESTAS, PROFISSIONAIS E INOVADORAS

 

Quem me conhece sabe que escrevo baseado em meus pensamentos, falando com sinceridade, sem subterfúgios ou dissimilações.

 

Para profissionalizar o Sindicato, implantamos dois programas uníssonos de gestão de qualidade, ou seja, a ISO 9001, versão 2008, para ser certificada por organismo internacional, e o SEGS da FECOMERCIO-SP (clique aqui).

Com atitude inovadora, criamos o “Núcleo Nova Geração do Fomento Mercantil” (clique aqui), com o objetivo de se criar um relacionamento entre os associados por grupo de afinidades culturais, profissionais e esportivas.

 

Princípio 3 – JUSTIÇA E COERÊNCIA NAS DECISÕES, PENSANDO SEMPRE NO CONJUNTO DOS FILIADOS, INDEPENDENTEMENTE DO PORTE

 

Temos Assessoria Jurídica, que diariamente responde às questões levantadas pelos associados e, diga-se de passagem, não são poucas.

 

Contratamos uma nova assessoria nas áreas contábil, tributária previdenciária e de departamento pessoal (clique aqui) disponível para todos os associados, acionadas principalmente pelos de menor porte, que não têm esses profissionais em suas próprias estruturas.

 

Fornecemos um serviço de consultoria coletiva, colocando à disposição o “Manual e Procedimentos da Política de Prevenção à Lavagem de Dinheiro”, para ser adaptado individualmente pelas empresas, de acordo com seu porte, conforme preconiza a Resolução nº 20 do COAF. (clique aqui).

 

No caso específico de nossos eventos, sempre convidamos todos os integrantes da base e jamais faremos um encontro especial ou de luxo, convidando somente a nata dos associados.

 

Princípio 4 – CRENÇA EM PARCERIAS E ALIANÇAS ESTRATÉGICAS COM OUTRAS ENTIDADES

 

A grande prova dessa crença são as nove entidades que nos apoiaram no V Simpósio dos Empresários de Fomento Mercantil do Estado de São Paulo, realizado em 20 de setembro – ANFAC, SINFAC-RS, SESCON-SP, AESCON-SP, OAB-SP, ABFAC, SINDCONT-SP, IASP e FECOMERCIO-SP.

 

Com SINFAC-RS, SESCON-SP e AESCON-SP, temos um acordo de cooperação técnica, segundo o qual as informações e benefícios de uma instituição se transferem reciprocamente para a outra.

 

Somos filiados à FECOMERCIO-SP, que nos estende uma série de benefícios, inclusive assistência médica (clique aqui), além de muito nos ajudar em toda parte política e institucional.

Com o IASP, além de nos prestigiar com sua presença em nossos eventos – a recíproca é verdadeira –, já realizamos eventos em sua sede (clique aqui), além de termos duas páginas na seção “4 mãos” da revista bimestral de sua publicação, LETRADO, com matérias específicas sobre Fomento Mercantil, cujo público-alvo são juízes, magistrados e catedráticos do Direito, contribuindo para o melhor entendimento da atividade do Fomento Mercantil  e consequentemente, na melhora de nossa imagem no Judiciário.

 

Já o SINDCONT-SP nos ofereceu gratuitamente o seu auditório para a realização da palestra sobre a nova Resolução do COAF, pois houve superlotação das inscrições nos últimos dias, quando cerca de 150 pessoas reservaram lugar, ou seja, três vezes mais do que esperávamos, pois levamos em consideração evento anterior realizado na ANFAC.(clique aqui).

 

Recentemente contratamos uma nova assessoria parlamentar compartilhada com outro sindicato da FECOMERCIO-SP (SESVESP/ABREVIS), para minimizar custos.

 

Gostaríamos de agradecer as entidades parceiras acima mencionadas a divulgação e presença em nosso V Simpósio.

 

A pergunta que não quer calar é: Por que conseguimos parcerias com todas estas entidades e não temos sequer um acordo de cooperação técnica com a nossa entidade mater, a ANFAC, sendo que unidos seríamos muito mais fortes e não haveria necessidade de esforços em trabalhos já realizados, os quais poderiam ser compartilhados, como por exemplo o “Manual e Procedimentos da Política para a Prevenção a Lavagem de Dinheiro”?

 

Princípio 5 – VALORIZAÇÃO PROFISSIONAL DA EQUIPE, DESENVOLVIMENTO DE NOVOS LÍDERES E FORTALECIMENTO AO ASSOCIATIVISMO

 

No V Simpósio, ao final da apresentação da palestra “O Líder que Transforma Desafios”, do Prof. Eugênio Mussak, tivemos a oportunidade de agradecer de público a toda a nossa equipe, promovendo uma homenagem surpresa ao diretor de Cursos e Eventos, Fernando Galucci, que nos ajudou a mudar a cara do SINFAC-SP, com a realização de quase um novo evento a cada semana, agregando valor real ao Sindicato e aos seus associados.

 

Com certeza, apesar de jovem, é um novo líder que desponta no segmento. No mesmo momento, apresentamos outro novo líder, o jovem Marcio Lima Gonçalves, coordenador do Núcleo Nova Geração do Fomento Mercantil.

 

Para fortalecer o associativismo, contratamos uma colaboradora para a prospecção de novos associados, cuja base tem crescido vertiginosamente e de forma natural, como consequência de nossas ações e eventos.

 

Este é o indicador de maior importância no nosso monitoramento, pois significa o reconhecimento de nosso trabalho, além de aumentar a representatividade do setor, evitando que uma minoria participante assuma os destinos de toda uma classe.

 

Princípio 6 – COMPARTILHAMENTO DE INFORMAÇÕES E IDEIAS COM A CLASSE E DECISÃO DEMOCRÁTICA PELA MAIORIA DOS ASSOCIADOS

 

Com o advento do novo Código Comercial, em estudo no Congresso, e a vivência de nosso principal problema, o sacado que se recusa a pagar para as factorings (clique aqui), incluímos no Projeto de Lei as duas primeiras emendas, (clique aqui) inserindo um capítulo sobre o Contrato de Fomento Mercantil.

 

Antes dessa providência, fizemos uma ampla discussão sobre o assunto com a classe, apresentando a ideia durante o XI Congresso Brasileiro de Fomento Mercantil, realizado em Araxá (MG), e posteriormente debatido em várias reuniões no SINFAC-SP.

 

Se há duas emendas é porque a segunda foi resultante da reunião de abril (clique aqui) no SINFAC-SP, na qual a classe decidiu que nosso principal problema, o sacado que se recusa a pagar para as factorings, não poderia ficar vinculado exclusivamente à CLTF (Câmara de Liquidação de Títulos Faturizados) devido à complexidade de sua operacionalização.

 

Neste momento em que tanto falamos de união da classe– que verdadeiramente faz a força –, tenho a esperança de que a divulgação dos Princípios e Valores do Sindicato possa de fato contribuir para este tão almejado sonho.

 

Hamilton de Brito Junior

Presidente

Video institucional

Cursos EAD

Cursos e Eventos

Nenhum evento disponível.

Fotos dos Eventos

Sobre o Sinfac-SP

O SINFAC-SP está localizado na
Rua Libero Badaró, 425 conj. 183, Centro, São Paulo, SP.
Atendemos de segunda a sexta-feira, das 9 às 18 horas.